Vantagens

O SIAFI representou tão grande avanço para a contabilidade pública da União que hoje é reconhecido no mundo inteiro e recomendado inclusive pelo Fundo Monetário Internacional. Sua performance transcendeu as fronteiras brasileiras e despertou a atenção no cenário nacional e internacional.

Vários países, além de alguns organismos internacionais, têm enviado delegações à Secretaria do Tesouro Nacional, com o propósito de absorver tecnologia para a implantação de sistemas similares. 
Veja os ganhos que a implantação do SIAFI trouxe para a Administração Pública Federal :

Contabilidade : o gestor ganha rapidez na informação, qualidade e precisão em seu trabalho; 

Finanças : agilização da programação financeira, otimizando a utilização dos recursos do Tesouro Nacional, por meio da unificação dos recursos de caixa do Governo Federal na Conta Única no Banco Central;

Orçamento : a execução orçamentária passou a ser realizada dentro do prazo e com transparência, completamente integrada a execução patrimonial e financeira;

Visão clara de quantos e quais são os gestores que executam o orçamento : são mais de 4.000 gestores cadastrados, que executam seus gastos através do sistema de forma "on-line";

Desconto na fonte de impostos : no momento do pagamento, já é recolhido o imposto devido;

Auditoria : facilidade na apuração de irregularidades com o dinheiro público;

Transparência : detalhamento total do emprego dos gastos públicos disponível em relatórios publicados no site. 

Fim da multiplicidade de contas bancárias : os números da época indicavam 3.700 contas bancárias e o registro de aproximadamente 9.000 documentos por dia. Com a implantação do SIAFI, constatou-se que existiam em torno de 12.000 contas bancárias e se registravam em média 33.000 documentos diariamente. Hoje, 98% dos pagamentos são identificados de modo instantâneo na Conta Única e 2% deles com uma defasagem de, no máximo, cinco dias.

Além de tudo isso, o SIAFI apresenta inúmeras vantagens que o distinguem de outros sistemas em uso no âmbito do Governo Federal :

- Sistema disponível 100% do tempo e on-line;

- Sistema centralizado, o que permite a padronização de métodos e rotinas de trabalho;

- Interligação em todo o território nacional;

- Utilização por todos os órgãos da Administração Direta (poderes Executivo, Legislativo e Judiciário);

- Utilização por grande parte da Administração Indireta; e

- Integração periódica dos saldos contábeis das entidades que ainda não utilizam o SIAFI, para efeito de consolidação das informações econômico-financeiras do Governo Federal - à exceção das Sociedades de Economia Mista, que têm registrada apenas a participação acionária do Governo - e para proporcionar transparência sobre o total dos recursos movimentados.